25 anos da Fat Boy

A Harley-Davidson comemora, em 2015, 25 anos da Fat Boy, desenhada em 1990 por de Willie G. Davidson, neto de um dos fundadores e atual chefe de design da marca. A Fat Boy faz parte da família Softail, que tem por característica principal os amortecedores escondidos sob o para-lamas mantendo o visual hardtail.

O modelo original era alimentado pelo motor Evolution V-Twin de 1340 cc, que foi introduzido em 1984. Em 2000, houve uma atualização para o novo motor Twin Cam 88B de 1450 cc e, em 2007, a introdução do Twin Cam 96B de 1584 cc. Já o modelo 2016 recebeu o motor Twin Cam 103 High Output de 1690 cc, que antes equipava somente as motos da família Touring.

“Em 1991, a Fat Boy foi a estrela do filme O Exterminador do Futuro 2 – O Julgamento Final, firmando sua posição como uma das motos mais desejadas do mundo. A motocicleta, pilotada pelo ator Arnold Schwarzenegger, realizou um dos saltos mais famosos da história do cinema, em que o Exterminador pula com a moto para dentro de um bueiro. A proeza foi realizada com o auxílio de cabos que prendiam a Fat Boy, reduzindo o peso da motocicleta e do piloto ao tocarem no solo. Os cabos foram apagados na pós-produção”, diz a marca no comunicado que informa o aniversário do modelo.

Leia também:
+ KTM promete museu da marca em 2017
+ Indian abre, no Rio de Janeiro, segunda concessionária brasileira
+ Yamaha Sport Touring FJR 1300 versão 2016 tem seis marchas
+ Yamaha chama segundo recall para MT-09 no Brasil
+ Hot Rods Brasil 2015. De 4 a 6 de dezembro, em São Paulo
+ Indian lança versão mais barata de seu modelo de entrada, a Scout Sixty

Segundo a montadora “várias Fat Boy foram utilizadas na gravação do filme mas, na verdade, a moto pilotada por Schwarzenegger foi adquirida em 2014 pelo Museu Harley-Davidson, onde atualmente está em exposição. O modelo também repete seu papel com Arnie em O Exterminador do Futuro 5 – Gênesis, lançado nos cinemas este ano.”

Versões

1990
Lançamento da Fat Boy. Foi apelidada de “The Gray Ghost” (“O fantasma cinza”), pois só estava disponível nesta cor.

2005
A Fat Boy ganhou o tratamento CVO, pela primeira vez, para o modelo 2005. A Screamin’ Eagle Fat Boy ostentava um motor Stroker Twin Cam de 1690 cc, uma suspensão traseira rebaixada e um novo assento estilo pan-style, em três novas combinações com duas cores e acabamento de metal.

2007
Mudanças no modelo com nova roda dianteira de 17 polegadas, maior que a anterior, de 16, e um pneu traseiro mais largo, de 200 mm. A marca registrada do modelo é a roda dianteira em disco de alumínio, que ganhou novos bullet-hole. Novos detalhes gráficos no tanque de combustível e em ambos os para-lamas.

2010
Lançada a Fat Boy Special 2010 (chamada de Fat Boy Lo nos EUA) que reduziu para 61 cm a altura do assento ao chão.. Plataformas meia-lua além de pintura fosca e acetinada também diferenciam o estilo da Fat Boy Special da Fat Boy original.

2015
O modelo passou a contar com novo sistema de freio dianteiro, presente em todos as motocicletas da família Softail, que proporciona uma redução de 40% na força aplicada nos freios durante frenagem máxima. O cilindro mestre de freio foi reestilizado. Ainda no mesmo ano, mas já como modelo 2016, foram incorporados o acelerador eletrônico throttle by wire e o motor Twin Cam 103 High Output de 1690 cc.

-Informações e imagens: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *