Centro de Treinamento Harley-Davidson

A Harley-Davidson do Brasil inaugurou, no final de semana, a transferência de seu Centro de Treinamento para as dependências do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai São Paulo). O Centro certifica o conhecimento e as habilidades dos técnicos de serviços pós-vendas da rede formada por 21 concessionárias autorizadas.

Para ocupar um espaço na unidade Conde José Vicente de Azevedo, no bairro do Ipiranga, no acordo com o Senai, a montadora norte-americana deve fornecer motocicletas, tecnologia e treinamentos para alunos do Serviço ou outras pessoas interessadas em receber orientações sobre manutenção preventiva e corretiva das motos da marca.

Segundo a empresa, no espaço aberto as demais interessados, serão oferecidos cursos modulares de tecnologias mais antigas do que as oferecidas atualmente para a rede. Os módulos são realizados em conjunto com outras três montadoras que também possuem espaços de qualificação profissional para sua rede no Senai: BMW, Triumph e Yamaha. Para a própria rede, a Harley-Davidson mantém as 500 vagas que já tinha em seu centro de treinamento em local próprio. As primeiras 100 vagas para os demais interessados já foram preenchidas.

Para a rede, a companhia oferece um total de 12 cursos em sua grade, sendo que sete deles são direcionados para os técnicos de serviços pós-vendas com certificação conferida pela HDU (Harley-Davidson University). Outros cinco cursos são exclusivos para treinamento das forças armadas. Estão disponíveis para as aulas práticas 16 motocicletas, seis delas modelos 2017 já equipados com o recém-lançado motor Milwaukee-Eight, além de 12 carrinhos de ferramentas da marca Snapon contendo 12 jogos de ferramentas para uso individual dos técnicos.

Leia também:
+ Yamaha acrescenta novas cores na família MT 2017
+ BMW e Lego lançam réplica em escala do modelo R 1200 GS Adventure
+ KTM tem novo modelo KTM Factory Edition: 350 EXC-F
+ Ducati tem promoção para os modelos XDiavel e Multistrada 1200 Enduro
+ Motos marcam presença no Salão do Automóvel
+ Kawasaki promove linha Off-Road
+ BMW G 310 GS é apresentada em Milão
+ CRF1000L Africa Twin. No Brasil, em dezembro
+ Ducati 959 Panigale chega ao Brasil por R$ 62.900
+ Teste: a evolução da linha CG em 40 anos de produção no Brasil

Para Antônio Cantero, Managing Director da Harley-Davidson do Brasil, a mudança trará inúmeros benefícios tanto para a marca quanto para o Senai. “Por meio da parceria com a Harley-Davidson, o Senai-SP, além de ter acesso às tecnologias da nossa marca, poderá também, futuramente, disponibilizá-las por meio de cursos de curta duração direcionados para a comunidade e para os clientes, indo ao encontro de seu principal objetivo, que é difundir o ensino técnico no Brasil, contribuindo para a valorização ainda maior de nossa marca pelo País”, diz.

-informações e imagens: divulgação/MotoMovimento-

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *