Copa EFX de Enduro FIM

A Sacramento Racing fechou a Copa EFX de Enduro FIM campeã com os pilotos Victor Miranda (classe E1), Vinícius Calafati (EJúnior), Nielsen Bueno (Over 35) e Reinaldo de Almeida (E6). Garantiu ainda a taça do ranking por equipes. A etapa final da competição foi realizada neste domingo (22) em Guararema (SP).

A Copa EFX reuniu a elite do Enduro FIM na temporada 2017. A chuva foi uma dificuldade a mais na decisão, que trouxe percurso com três trechos cronometrados (um Cross Teste e dois Enduro Testes). Chefe de equipe da Sacramento Racing, o multicampeão off-road Nielsen Bueno garantiu invicto o bicampeonato da E35.

“A campanha na Copa EFX é motivo de orgulho para a Sacramento Racing. O time venceu todas as categorias que participou, e a conquista no ranking por equipes mostra a nossa força coletiva. Fechamos o Campeonato Brasileiro de Enduro FIM com quatro títulos e agora, na Copa EFX, são mais cinco taças. Sem dúvidas o nosso ano foi bastante especial no Enduro FIM, todos estão de parabéns”, diz Bueno.

Equilibrada até os quilômetros finais, a categoria EJúnior consagrou Calafati, que emplacou também o vice-campeonato da classificação geral. “A Copa EFX foi disputada desde o início. Na decisão, quem ganhasse levaria a taça da EJúnior. O título foi definido na última volta e estou muito feliz por ter conseguido, a conquista é inédita na minha carreira”, afirmou o piloto. Ele competiu na EJúnior pelo último ano.

Victor Miranda também venceu a Copa EFX pela primeira vez. “Foi uma conquista muito importante e eu só tenho a agradecer pelo apoio da Sacramento Racing, que acompanhou a minha evolução durante o ano. Ajudar o time a ganhar o título por equipes também foi muito gratificante”, afirmou.

A taça de Reinaldo de Almeida foi a primeira do piloto no Enduro FIM. “Comecei a praticar a modalidade no ano passado. Conquistar o primeiro título é bom demais”, afirmou.

Título antecipado no Gaúcho de Cross Country – A Sacramento Racing também comemorou o título antecipado de Anderson Vieira no Campeonato Gaúcho de Cross Country. O piloto garantiu a taça da categoria XC1 na terceira etapa, a penúltima do calendário, realizada neste domingo (22) em Farroupilha (RS).

“Foi o meu primeiro título em competições de moto. Estou muito feliz, espero poder defender a taça no ano que vem”, disse Vieira. Maurício Rizzon também competiu e ficou em segundo lugar da XC2. A categoria segue indefinida para a decisão, marcada para o dia 19 de novembro em Nova Pádua (RS).

Team Rinaldi

O Team Rinaldi conquistou neste domingo (22) mais três títulos para a galeria da temporada 2017. O piloto Bruno Martins faturou a taça da categoria E4 na grande final da Copa EFX de Enduro FIM, realizada em Guararema (SP). Em Fagundes Varela (RS), os irmãos Maiara e Mateus Basso foram destaques na decisão do Campeonato Gaúcho de Motocross. A competidora garantiu a taça inédita da classe MX3, disputada entre os homens, enquanto o piloto venceu a MXPró.

Bruno Martins utilizou os pneus SR39 e HE40 para garantir a sua quinta taça consecutiva na Copa EFX, modelos da linha off-road da fábrica gaúcha. “Foi uma conquista muito importante, estou bastante feliz. Nos últimos anos, sempre usei Rinaldi e nunca tive um único pneu furado. O produto de qualidade faz muita diferença, traz bastante confiança ao piloto”, contou o representante da equipe Rinaldi ASW Zanol Team.

Leia também:
+ Honda apresenta a Biz versão 2018 no Salão Duas Rodas 2017
+ Novas CB 650F e CBR 650F 2018. Mais 1,5cv e marchas mais curtas
+ Produção de moto 2017/2016. Abraciclo vê estabilidade
+ T-Cruise, novo modelo elétrico italiano com autonomia de até 270 km
+ Salão Duas Rodas lança websérie sobre o evento de 2017
+ CB Twister 2018 com novas cores e grafismos
+ KTM oferece bônus de fábrica para a 390 DUKE ABS, em outubro
+ Teste: Honda NXR 160 Bros 2018 com CBS (Combined Brake System)
+ Teste: Feita para a cidade, Honda SH 150i encara rodovias
+ Ducati XDiavel Dark. No Brasil, por R$ 79.900

No Gaúcho de Motocross, os irmãos Basso mostraram que a velocidade está no DNA. Além dos títulos na MX3 e MXPró, Maiara e Mateus confirmaram o vice-campeonato das classes Intermediária MX2 e MX2, respectivamente. “Fechar o ano com o título da MX3 é muito gratificante”, disse Maiara. “A categoria é uma das mais fortes do Campeonato Gaúcho e eu corro ao lado dos homens, o que sempre é uma dificuldade a mais. Esse título é especial, assim como representar o Team Rinaldi.

Os irmãos Basso também escolheram os pneus SR39 e HE40. “O rendimento dos pneus foi um diferencial para nós, são de excelente qualidade para uso em qualquer tipo de terreno. Agradecemos a Rinaldi por nos dar o suporte necessário durante a temporada e oferecer produtos que fazem a diferença nas corridas e, por consequência, nos títulos”, concluiu Maiara.

-Informações e imagens: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *