Ducati do Brasil

A Ducati do Brasil trocou o comando da empresa. Diego Borghi, até agora CFO (Chief Financial Officer) da companhia assumiu a presidência no lugar do italiano Antonino Labate que comandou as operações da montadora italiana desde maio de 2015. Labate vai passar para uma posição de liderança na marca SEAT, fabricante de automóveis espanhola do Grupo Volkswagen.

Sob Labate, a marca registroum no mercado brasileiro, no período de setembro 2016 sobre agosto 2015 crescimento de 27,5% no segmento acima de 500 cm3 de cilindrada. Em igual período, o mercado nacional caiu 20,0%. A Ducati tornou-se a única marca no segmento premium a estabelecer índices positivos em meio a atual situação econômica do país.

“Fico muito feliz em poder deixar a Ducati no Brasil nas mãos de um profissional competente e bem preparado como Diego. Tenho plena certeza de que a partir de agora os resultados continuarão aparecendo de forma bastante veloz e com muita consistência”, disse Antonino Labate. “O Brasil é um país excepcional onde tive a oportunidade de viver intensamente todos os dias que aqui estive, aprendendo muito sobre a cultura e o dia a dia do Brasileiro como um Brasileiro. Digo a todos que sou o mais Brasileiros dos Italianos que aqui estiveram presentes”, comenta Labate.

Leia também:
+ YZF R6 2017 é lançada no EUA
+ Nova Tiger Sport no Brasil por R$ R$ 52.990
+ BMW Motorrad Vision Next 100: conceito BMW da moto do futuro
+ K 1600 B: nova bagger da BMW para o mercado norte-americano
+ KTM lança edição limitada da 300 EXC
+ Produção de motocicletas tem queda de 31% no acumulado do ano
+ Honda tem edição especial de 40 anos da linha CG
+ Vespa inicia vendas no Brasil
+ Ducati mostra esportiva SuperSport na Alemanha
+ Kawasaki lança Ninja 650 no Intermot

Com novo fôlego, Borghi assume uma Ducati revigorada, o que possibilitará à equipe, agora 100% brasileira, dar continuidade à conquista dos objetivos estratégicos da marca Ducati no Brasil de forma mais acelerada. Aos 34 anos, formado em Administração e Contabilidade e com MBA em controladoria pela USP, Diego participou de diversos processos de “start up” em sua carreira profissional, liderando empresas de diversos segmentos como bebidas, bens de consumo e automotivo, por exemplo.

“A confiança e credibilidade que hoje temos junto à matriz é fruto do excelente trabalho que vem sendo realizado pela equipe aqui no Brasil. Sob a coordenação do Antonino conquistamos um espaço importante e vamos ampliar cada vez mais. O desafio é grande, mas a Ducati do Brasil é uma empresa enxuta, ágil e bem estruturada, com uma linha de produtos inovadora e que está conquistando o seu espaço no mercado brasileiro. Trabalharei todos os dias para proporcionar ao a cada Ducatista, a melhor experiência sobre duas rodas e isso engloba do atendimento, passando pela venda e finalizando com excelência no pós vendas, diz Diego Borghi, Presidente da Ducati do Brasil.

-Informações e imagens: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *