Novo seguro

A Pósitron e a BNP Paribas Cardif do Brasil lançaram um seguro para motocicletas, o Pósitron Rastreamento + Seguro para Motos, que abrange oito categorias das marcas Honda e Yamaha, de 100 a 1.800 cilindradas, totalizando 94 modelos. O serviço é compatível com motos de até 70 mil reais e 15 anos de uso. Os pacotes custam a partir de R$ 119,90 por mês, incluindo a instalação do equipamento, e variando de acordo as especificidades escolhidas.

O seguro disponibiliza uma equipe de apoio para recuperação do veículo em todo território nacional. Caso a motocicleta não seja encontrada, o consumidor recebe indenização de 80% do valor do bem, conforme tabela FIPE. O rastreador funciona por meio da tecnologia GSM/GPRS/GPS e oferece ao condutor os históricos de posicionamento, quilometragem percorrida e velocidade.

Leia também:
+ Temporada Honda Junior Cup 2016 começa dia 22
+ Triumph Riding Experience rtem curso para café racer
+ Honda renova os modelos CG 125i Cargo e CG 160 Cargo
+ Triumph apresenta novos modelos Bonneville
+ Produção de motocicletas registra queda de 36,4% em abril, diz Abraciclo
+ Honda apresenta nova trail de baixa cilindrada XRE 190
+ Honda renova a NC750X na versão 2016
+ Maio Amarelo lança concurso de fotografia para Boas Práticas no Trânsito
+ Teste: Honda PCX 150 modelo 2016
+ Harley-Davidson lança Roadster 1200 nos EUA
+ Yamaha lança a Tracer 700 baseada na MT-07
+ BMW renova a F 800 GS
+ Teste: Biz 110i, com injeção eletrônica fica mais eficiente no trânsito da cidade

O serviço permite ainda o monitoramento por meio de um aplicativo para smartphones, compatível com os sistemas iOS e Android. “O cliente consegue visualizar, por meio de celular, a localização da sua motocicleta em tempo real, 24 horas por dia. Com isso, a proposta segue o conceito de tecnologia e conectividade que a Pósitron vem investindo cada vez mais”, afirma Alcides Prates, gerente Comercial do canal Varejo da Unidade de Rastreamento da Pósitron.

Segundo o executivo, o Pósitron Rastreamento + Seguro para Motos surge em resposta aos elevados índices de roubo e furto deste tipo de veículo no País, que, consequentemente, aumentam os preços dos seguros convencionais. “Por isso, muitas pessoas não conseguem adquirir um serviço de proteção mais adequado às suas necessidades”, explica.

-Informações e imagens: divulgação-

2 comentários em “Novo seguro

  1. O grande problema é o aumento de consumo da bateria. Normalmente se a moto não for utilizada mais de dois ou três dias a bateria descarega.
    Será que pensaram em resolver este problema, comum nos rastreadores?
    Onde podemos obter mais informações técnicas sobre este assunto, como por exemplo se o rastreador tem bateria auxiliar própria?

  2. Muito bom este sistema de seguro, da Pósitron. Vai ajuda muito os cliente que compra uma moto, principalmente o cliente pobre como minha pessoa, que quando nós compramos um bem as vezes pensamos que nós estamos seguro com ele, mais é muito diferente em que pensamos, por que sempre tem um individeo que vem sempre a nos abordar para ser dono de seu bem e até de sua vida. E com este seguro podemos dizer que estamos mais ou menos um pouco aliviados, por que mesmo que venha acontecer voce esta um pouco garantido, pelo seu bem que pode ter a sua moto de volta, que não foi o meu casa, que roubarão a minha e eu fiquei sem nada mesmo com o alárme os safados levarão, no tempo minha pessoa não podia pagar um seguro. um abraço e que der certo este sistema para todos o país. JBN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *