Salão Moto Brasil 2018

O Salão Moto Brasil 2018, que acontece entre os dias 25 a 27 de maio de 2018, no pavilhão 2 do Riocentro, no Rio de Janeiro, foi lançado em São Paulo, ontem (19/09). A expectativa para esta oitava versão do evento é receber cerca de 92 mil visitantes para contatos com 125 expositores que apresentarão mais de 400 marcas, com seis mil profissionais do setor envolvidos na projeção de R$ 10 milhões em volume de negócios.

Para a programação de 2018, está mantido o Bike Art Show, em sua quarta edição, que reúne as principais tendências e nomes da customização de motocicletas no Brasil. O Bike Art estará localizado ao lado da área dos shows onde acontecerá um Festival de Jazz e Blues – pela primeira vez no evento – e também da praça de alimentação. Juntos ocuparão área de cerca de 3.000m². Também estão programadas palestras diárias ministradas por profissionais relacionados ao trânsito e pilotagem. Na área externa, serão oferecidos serviços como troca de acessórios e pneus, além de apresentação dos shows com motos e aulas com o piloto Leandro Mello.

A Rodada de Negócios Moto Brasil, lançada este ano, também está confirmada. Com mais de 2.000 m², será um espaço destinado a um público e interessado em fazer negócios, entre eles atacadistas, distribuidores, lojistas e representantes de vendas. “Acreditamos no potencial do mercado de moto e esse evento dentro do evento vem para facilitar, otimizar e intensificar as negociações”, afirma Lorenzo. A expectativa de crescimento para edição de 2018 é de 20% em relação à anterior.

Leia também:
+ Teste: Feita para a cidade, Honda SH 150i encara rodovias
+ Mercado no Brasil. Produção cai 13,5% em agosto
+ Ducati XDiavel Dark. No Brasil, por R$ 79.900
+ Kit customização Roadster com filtro de ar Screamin’ Eagle
+ Honda PCX 150 linha 2018 com nova cor azul escuro
+ Recall Honda para CRF450R
+ Teste: Harley-Davidson Ultra Limited é extrema em conforto nas viagens
+ Indian homenageia Burt Munro no Bonneville Speed Week
+ Linha Honda CG 160 2018 recebe freio CBS e suspensão dianteira SFF (Separated Function Fork)

As edições anteriores da mostra aconteceram sempre em janeiro. Para a mudança para maio, a organização avaliou os pedidos já recorrentes dos expositores, que solicitaram a alteração de data. “Janeiro é um mês mais complicado para o mercado e para participar de eventos, principalmente para a indústria. Então sugerimos maio e a adesão foi unânime”, diz Gustavo Lorenzo, organizador do Salão.

O Salão Duas Rodas de São Paulo, que este ano acontece em novembro, também afetou a data carioca. Outro fator levado em consideração foi o momento econômico e financeiro, principalmente do Rio de Janeiro. “Decidimos dar um tempo maior para deixar a poeira assentar e fazer mais para a frente, com melhores perspectivas para todo mundo”, observou o promotor. A quantidade de dias também foi alterada: eram quatro e em 2018 serão três. “Temos um relacionamento muito bom com o segmento e precisamos nos adaptar com o momento e necessidades deles. E o momento é de enxugar custos”, completou Lorenzo.

-Informações e imagens: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *