Teste: a evolução do modelo CG

Para comemorar os 40 anos do lançamento da CG no Brasil, a Honda promoveu um evento de test-ride em seis de suas nove gerações do modelos. Impressiona a evolução da moto desde seu primeiro lançamento, em 1976 que manteve seu design até 82, com 126 cm³ e 11 cv. O que era o “top” do momento naquela época mostrou-se de difícil pilotagem, evidentemente levando-se em conta a inevitável comparação com as suspensões, quadro, freios na ciclística dos atuais modelos.

O teste de somente uma volta, consecutivo modelo após modelo imediatamente foi feito em um circuito previamente determinado no pátio aulas de segurança viária do Centro Educacional de Trânsito Honda (CETH), em Indaiatuba, interior de São Paulo. As moto antigas eram do próprio museu particular da marca. Todas foram restauradas já que não funcionavam há anos.

Já na segunda geração (de 1983 a 1988), o modelo, que vendeu quase 12 milhões de unidades nos 40 anos de história, recebeu mudanças no design com linhas retas e sistema Ecco de injeção de combustível. O sistema elétrico passou de seis para 12 volts e a balança traseira aumentou no comprimento o que o deixou com maior entre-eixos e mais estável. Melhorou a pilotagem, mas ainda mantém o “chatinho” câmbio rotativo, o mesmo utilizado ainda na Honda Biz e Pop. São quatro marchas para baixo e a alavanca que serve para subir as marchas até o neutro.

Na terceira geração, que foi produzida de 1989 a 1994, a Honda adotou o sistema CDI (Ignição de Descarga Capacitiva) que substituiu o platinado. A balança de suspensão traseira ganhou mais 35mm e os dois amortecedores traseiros tornam-se reguláveis. Além da evolução na pilotagem, em 1991, a montadora trocou as manoplas de PVC por de borracha.

A quinta geração, fabricada de 2000 a 2003, inaugura, na versão mais cara, a ES, o fim do pedal para ligar a motor e o freio a disco na dianteira. A frenagem mudou completamente oferecendo mais segurança como pode ser comprovado no teste dos modelos. Outras novidades da geração são marcador de combustível no painel de instrumentos e bateria selada, que elimina a necessidade de manutenção.

A grande virada na motorização aconteceu na sétima geração (2009 a 2013) quando foi incorporada a injeção eletrônica (PMG-FI) e a maior capacidade de armazenamento de combustível, 16,1 litros.Essa geração também inaugurou o uso de etanol em motos. A CG 150 Titan Mix foi a primeira de montagem em série que passou a utilizar gasolina e álcool, na época. Em 2010 o modelo básico, a Fan, também recebeu a tecnologia.

Leia também:
+ Yamaha Crosser 2017 tem novas cores e grafismos
+ Triumph amplia linha Clássicas com a Bonneville Bobber
+ Grupo Piaggio inicia vendas dos modelos Vespa GTS 300 e Vespa Sprint
+ YZF R6 2017 é lançada no EUA
+ Nova Tiger Sport no Brasil por R$ R$ 52.990
+ BMW Motorrad Vision Next 100: conceito BMW da moto do futuro
+ K 1600 B: nova bagger da BMW para o mercado norte-americano
+ KTM lança edição limitada da 300 EXC
+ Produção de motocicletas tem queda de 31% no acumulado do ano
+ Honda tem edição especial de 40 anos da linha CG
+ Vespa inicia vendas no Brasil
+ Ducati mostra esportiva SuperSport na Alemanha
+ Kawasaki lança Ninja 650 no Intermot

A nona e última geração da CG recebeu motor com 160 com 162,7 cc, 14,9 cv a 8000 rpm com gasolina e 15,1 cv a 8000 rpm com etanol. A montadora apostou nas carenagens generosas e estilo esportivo para atrair os compradores. A pilotagem acompanha a evolução nos sistemas de segurança, conforto e desempenho no desenvolvimento de novas tecnologias da Honda assim como das outras montadoras que competem na categoria.

-Informações e imagens: divulgação/MotoMovimento-

Um comentário em “Teste: a evolução do modelo CG

  1. nova cor…novo grafismo…projeto velho… como diz o americano… merda polida…. continua atrasada…. em design… e projeto…. até quando o consumidor brasileiro vai sair do OTARISMO… e ainda consumir uma coisa tão ruim assim… e ainda achar que é bom….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *