Triumph corta 400 empregos

São Paulo (SP) – A montadora inglesa Triumph anunciou na manhã de hoje (01/06) que vai dispensar cerca de 400 dos 2,5 mil trabalhadores que tem ao redor do mundo. A decisão foi tomada depois da queda nas vendas de motocicletas de alta cilindrada na crise do Coronavírus. Em comunicado, a empresa informa que a medida visa “para proteger a saúde a longo prazo do negócio”.

Até o início da pandemia, a marca produzia 60.000 motos por ano para cerca de 650 revendedores globais. Nos últimos três meses, as vendas caíram entre 40 e 65% em mercados importantes como França, Itália, Alemanha, EUA e Reino Unido, de acordo com a marca.

“Estes não são apenas tempos desafiadores para todos, como indivíduos, mas também para a empresa”, diz Nick Bloor, CEO da Triumph Motorcycles. “Nenhuma empresa poderia prever a escala da crise do Coronavírus e suas consequências econômicas”, observa.

Leia também:
+ Pandemia. Reposição de pneus cai 45,2% em abril
+ Lançamento Scrambler Icon
+ Covid-19. Produção de motos cai 98,6% em abril de 2020
+ Promoção BMW maio 2020
+ Promoção para maio 2020 da Harley-Davidson
+ Promoção Ducati maio 2020
+ MXF lança edição especial 300RX Six Days
+ Como manter a moto na quarentena por BMW, Ducati e Harley-Davidson
+ Mercado de motos em março tem menor venda média diária desde 2004

“Essas decisões não são fáceis de tomar, especialmente quando os meios de subsistência dos indivíduos são afetados; no entanto, lamentavelmente, a escala de impacto da Covid 19 exige que nos reestruturemos agora para proteger a saúde e o sucesso a longo prazo da marca e negócios da Triumph”, completa Bloor.

No Brasil, a representante da marca tem uma fábrica em Manaus com capacidade para produção de 8 mil motos por ano. Atualmente, são montadas 35 unidades por dia. A fábrica tem 3 mil metros quadrados de área construída, emprega 62 trabalhadores e já recebeu US$ 13 milhões em investimentos desde a inauguração.

-Informações e imagens: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *