Versão 2016 do scooter PCX

A Honda informou as mudanças para a versão 2016 do scooter PCX. Entre as modificações está a redução na capacidade volumétrica agora ligeiramente menor: 149,3 cm³, contra 152,9 cm³ da versão anterior. A redução, de acordo com a fábrica, serve para adequação aos padrões técnicos de emissão de poluentes exigidos pela segunda fase do Promot 4 (Programa de Controle da Poluição do Ar por Motociclos e Veículos Similares), prevista para vigorar a partir de janeiro de 2016. O resultado, segundo a montadora, após ajustes no módulo de injeção eletrônica (ECU), apontou melhora na economia de combustível sem interferência ao desempenho e pilotagem.

O scooter será oferecido em duas versões: Standard, nas cores Preto e Cinza Metálico e DLX, na cor Branco Fosco com rodas douradas. Os preços públicos sugeridos são R$ 10.299 (Standard) e R$ 10.699 (DLX), com base no Estado de São Paulo, e sem as despesas de frete e seguro. Produzida em Manaus (AM), estará disponível na rede de concessionárias Honda no final deste mês de outubro. A garantia é de três anos, sem limite de quilometragem e com fornecimento gratuito de óleo em sete revisões.

O design da PCX versão 2016 recebeu conjuntos de carenagens de linhas retas. O conjunto óptico tem área maior e agora conta com lâmpadas em LED para o farol, lanterna e indicadores de direção. As lanternas de freio e iluminação da placa traseira também contam com lâmpadas LED. O painel de instrumentos redesenhado adota o relógio digital com informações analógicas e digitais para velocímetro, hodômetro total, medidor de combustível, além de luzes-espia da injeção eletrônica e sistema de parada automática.

O compartimento sob o banco aberto por meio de um botão e permite acomodar objetos pessoais como capacete fechado, pequenas bolsas, pastas, sacolas de compras, livros ou documentos. A trava possibilita manter o assento em posição aberta, para facilitar o acesso ao porta-objetos. Na traseira, as alças do garupa têm novo formato, além de vir preparada para instalar suporte de bauleto. O porta-objetos abriga ainda uma nova tomada de 12 volts.

Leia também:
+ Confira as atrações do Salão Duas Rodas
+ Neowing: triciclo conceito da Honda
+ Linha Harley 2016: 25% mais caras acompanhando alta do dólar
+ Protótipo Suzuki Recursion tem nome registrado para EUA e Europa
+ MV Agusta tem edição limitadas dos modelos F3 675 RC e F3 800 RC na Europa
+ Ducati vende, no Brasil, somente a versão básica da Scrambler, a Icon
+ NXR 160 Bros ESDD 2016 tem somente mudanças estéticas
+ C 650 Sport e C 650 GT 2016 com mais tecnologia de fábrica

O propulsor é monocilíndrico OHC (Over Head Camshaft), 4 tempos, com injeção eletrônica PGM-FI (Programmed Fuel Injection), arrefecido a líquido. A potência máxima de 13,1 cv a 8.500 rpm e torque máximo de 1,36 kgf.m a 5.000 rpm garantem boa agilidade e arrancadas vigorosas em qualquer situação. A relação de transmissão automática continuamente variável CVT (V-Matic).

A PCX 2016 mantém o sistema “Idling Stop”, que permite o desligamento automático do motor, por exemplo, em paradas de semáforo, e com funcionamento automático após o acelerador ser acionado. A tecnologia, ainda inédita no segmento, permite uma redução no consumo de combustível e também na emissão de poluentes. No modelo 2016, este sistema também monitora o nível de carga da bateria, desligando-se automaticamente em caso de uso excessivo da tomada 12V.

Os amortecedores traseiros foram redimensionados e oferecem maior resistência a impactos com mais conforto e suavidade ao piloto e garupa. O chassi é do tipo berço em tubos de aço, com distância entre eixos de 1.315 mm. A capacidade do tanque de combustível aumentou para 8 litros, um pouco mais de dois litros quando comparada com o do modelo anterior (5,9 litros).

O conjunto de suspensões tem, na dianteira, garfo telescópio com 100 mm de curso, agora mais reforçado. Na traseira, conta com sistema de duplo amortecimento e curso de 85 mm. As rodas de 14” têm pneus 90/90-14M/C 46P (frente) e 100/90-14M/C 57P (traseira).

Clique AQUI para o PDF com as especificações técnicas do modelo

-Informações e imagens: divulgação-

Um comentário em “Versão 2016 do scooter PCX

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *