Yamaha MT-10 SP

A Yamaha apresentou no Intermot – Salão de Colônia -, na Alemanha, a nova versão da naked MT-10. A MT-10 SP aproxima a naked, lançada há pouco menos de um ano, da superesportiva YZF-R1M. A versão conta com suspensão eletrônica Öhlins, o mesmo a YZF-R1 M, controlada por uma unidade que adapta a moto a diversos modos de pilotagem.

A MT-10 SP também recebeu o painel de instrumentação TFT também derivado da R1, com alta definição de tela e cores, instrumentação para gerencias os 160 cv desenvolvido pela versão naked da superbike.

Leia também:
+ Intermot abre as portas com novidades das montadoras
+ Scooter Honda PCX versão 2017 tem redução de preços
+ Esguio, NMAX da Yamaha é ideal para a cidade
+ BMW e Alpinestars lançam jaqueta com airbag
+ Triumph Riding Experience tem curso exclusivo para mulheres
+ Rota K Off Road Test Ride, em Itupeva (SP)
+ NXR 160 Bros tem duas novas cores para 2017
+ Teste Yamaha YZF-R3: espírito esportivo em conforto street
+ Honda inicia vendas da CBR 500 R, esportiva da família 500cc
+ KTM lança Duke Tour Brasil 2016
+ Honda inicia vendas do modelo CBR 500 R

A suspensão eletrônica semi-ativa da SP é controlada por uma unidade de controle de suspensão (SCU) – assim como o R1 – que analisa dados de uma série de sensores monitor que entradas de ação suspensão e piloto. O SCU calcula as configurações ideais de compressão e amortecimento para o ambiente e as condições de pilotagem para aplicá-los em micro-ajustes do sistema.

O SP tem uma única opção de paleta de cores que reúne prata, azul e carbono. Tem previsão para chegar ao mercado mundial em fevereiro de 2017. O preço ainda não foi divulgado.

-Informações e imagens: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *