Yamaha retorna ao WSBK

A Yamaha deve voltar ao Mundial de Superbike (WSBK) com a nova geração da YZF-R1. A especulação, forte na Europa, é baseada no lançamento do novo modelo superesportivo da montadora japonesa que deve acontecer no próximo Salão de Milão – EICMA, em novembro desse ano. Nesse raciocínio, a volta da Yamaha deveria acontecer já em 2015.

Outra vertente de especulação do retorno da Yamaha à competição para promover o novo modelo YZF-R1, no entanto, é que isso seria somente em 2016. Isso porque as novas regras para o campeonato que entram em vigor em 2015 não permitem que a Yamaha tenha uma moto confiável para a pista.

Leia também:
+ WSBK muda regras técnicas para 2015

Pelas novas regras, por exemplo, os fabricantes devem utilizar nas motos de competições componentes também utilizados na produção de comercialização final. Com o uso do titânio, mais resistente, banido do SBK em 2015, os componentes das motos de rua podem não sustentar na pista uma R1 uma com 220 cv e outra com 240 cv de potência – como acredita-se que a montadora está preparando suas motos de corrida.

Em 2009, a Yamaha conquistou seu único título no SBK com Ben Spies. Também obteve bons resultados com Eugene Laverty, Cal Crutchlow ou ainda Marco Melandri.

-Imagens: divulgação-

Um comentário em “Yamaha retorna ao WSBK

  1. Ótima notícia.
    Mas é mesmo uma pena o rumo que o WSBK tem tomado, levando a quase protótipos competindo contra pequenas oficinas. Tomara que isso mude.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *