Harley-Davidson LiveWire One

São Paulo (SP) – Criada em maio desse ano, a nova divisão de motos elétricas da Harley-Davidson, a LiveWire, apresentou seu primeiro produto, a LiveWire One. A moto é praticamente a mesma lançada pela H-D em 2019 por US$ 29.799, agora com preço a partir de US$ 21.999. Originalmente, LiveWire era o nome do projeto elétrico da montadora norte-americana e o modelo levava apenas o logotipo da marca no tanque.

A montadora não disse nada a respeito de como fica quem comprou o modelo original mais caro. A LiveWire One, assim como a moto elétrica original, tem motor elétrico de 106 cv e 11,9 kgf.m de torque alimentado por bateria de 15,4 kWh. Acelera de 0 a 96 km/h em 3 segundos, atinge velocidade máxima de 177 km/h e tem autonomia de 235 km no uso urbano. É recarregada em uma hora com carregador rápido.

Leia também
+ Produção de motos mantém alta
+ BMW dá R$ 31,6 mil de desconto na compra à vista da R 1250 RT
+ Venda de motocicletas registrou, no primeiro semestre de 2021, alta de 47,70%
+ Honda tem dois novos planos para consórcio
+ Mercado: produção de motos espera volta da economia com vacinação, diz Abraciclo
+ Kawasaki apresenta a versão 2022 da Ninja ZX-10R
+ Edição 2021 do Salão Duas Rodas é adiado para novembro de 2022

“Reconhecemos o espírito pioneiro e o valor da marca na LiveWire para nossa comunidade e tomamos a decisão de evoluir a motocicleta original LiveWire em uma marca elétrica dedicada. O LiveWire One de hoje se baseia no DNA da Harley-Davidson, mas com o foco elétrico e ambição da nova marca LiveWire. Harley-Davidson e LiveWire continuarão a reescrever o livro de regras da motocicleta e estamos animados com este próximo capítulo em nosso legado”, disse, no comunicado à imprensa de apresentação da One, Jochen Zeitz, presidente e CEO da Harley-Davidson.

-Informações e imagens: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *