Marc Márquez no Brasil

São Paulo (SP) – De passagem pelo Brasil, depois de vencer o MotoGP da Argentina, o piloto espanhol Marc Márquez concedeu entrevista coletiva para a imprensa especializada em motociclismo e motovelocidade, em São Paulo. Em evento organizado pela Estrella Galicia 0,0, patrocinadora do piloto, Márquez disse que o campeonato deste ano está bastante competitivo e que o objetivo é levar para casa o título de 2019. “Não estou muito preocupado com o resultado em Austin. Vou dar o meu melhor e como sempre me dedicar ao máximo nos treinos e na preparação para esta corrida. Meu objetivo é terminar com o título da temporada. Conquistamos pontos importantes na Argentina e queremos manter”, disse.

Sobre sua relação com o italiano Valentino Rossi, o espanhol disse que, enquanto competidores, nunca serão amigos. “O que passou, passou, venho aprendendo que, com um rival, com quem você disputa um campeonato, é muito difícil manter uma relação de amizade. Em uma relação de amizade, você compartilha tudo. A um rival, você não compartilha nada. Mas sempre tive uma relação de muito respeito com ele, para além do que acontece na pista”, afirmou. “Somos suficientemente capazes de pensar, de refletir, e, na Argentina, apertamos nossas mãos e nos desejamos o melhor para a temporada. Dentro da pista, a relação é de rivalidade. Fora dela, a relação é profissional”, completou.

Marquez diz não gostar de pensar qual é seu limite ao comentar sobre onde encontra motivação após tantos títulos. Segundo ele, o mais importante é pensar sempre em melhorar e não fechar as portas. “Eu corro sob pressão e eu gosto disso. Eu não coloco números em termos dos títulos que eu quero alcançar. Desde 2010, que ganhei nas 125cc, tenho lutado por título. Quando você termina o ano com um título, é uma motivação incrível para lutar no ano seguinte. Isso, porque sempre penso que quero repetir esse momento de alegria e euforia para compartilhar com vocês (fãs). Com 26 anos você não precisa procurar motivação extra”, afirmou.

Com o resultado da segunda etapa, realizado no último final de semana na Argentina, Marc Márquez está na liderança do Mundial, com 45 pontos. Dovizioso é o segundo, com 41, seguido por Rossi, com 31. A próxima corrida esta marcada para o dia 14 de abril, nos Estados Unidos, com o GP das Américas. O favoritismo é de Márquez, que venceu todas as provas que disputou em Austin.

Leia também:
+ Teste: Harley-Davidson Street Glide Special 2019
+ Estudo mostra intensidade de furtos e roubos de moto em SP
+ Ducati Campo Grande. 10ª concessionária da marca no Brasil
+ Royal Enfield abre loja em Brasília
+ MXF Motors lança novo modelo de minimoto de 105 cilindradas para competições
+ Produção de motocicletas em tem alta de 21,1% em fevereiro de 2019
+ Michelin Anakee Adventure. Novo pneu Michelin 80% estrada e 20% off road
+ Yamaha MT-09 versão 2020 chega ao Brasil por R$ 43.690

Além de Marc, a Estrella Galicia 0,0 é patrocinadora oficial de outros grandes nomes da motovelocidade, como seu irmão Álex Márquez e o também espanhol Xavi Vierge, na Moto2. Os conterrâneos Alonso Lópes e Sergio García Dols, na Moto3, e o francês Mike Di Meglio, na MotoE. No Brasil, a marca tem uma parceria com o Time Alex Barros e o Sport Club Corinthians Paulista desde setembro de 2016.

“Continuamos escrevendo uma história diferente com o time Estrella Galicia 0,0. Estamos orgulhosos de fazer parte desta família única no Mundial, que oferece aos jovens pilotos todas as ferramentas para desenvolver seu talento ao mais alto nível”, afirmou Juan Paz, diretor geral da Estrella Galicia no Brasil.

-Informações e imagens: MotoMovimento-

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *