Modelo BMW GS completa 40 anos

São Paulo (SP) – A BMW comemora 40 anos do modelo GS. A primeira versão apareceu no outono de 1980 quando a marca alemã apresentou a R 80 G/S, uma motocicleta que combinou – pela primeira vez – offroad, estrada e uso diário. Graças à sua combinação única, o modelo tornou-se o precursor de uma nova categoria, o das enduro touring, ou supertrails.

Em comemoração aos 40 anos, a montadora preparou um conteúdo especial para clientes e fãs da marca: um e-book exclusivo, em português, que conta a história da série.

Clique AQUI para abrir um PDF do livro.

A R80 G/S (abreviação de Gelände Strasse, que significa campo e estrada, ou uso misto) tinha motor que desenvolvia 50 cv a 6.500 rpm de potência máxima e atingia um pico de torque de 5,7 kgfm a 4.000 giros. Ela atingia 180km/h de velocidade máxima e seu tanque de 20 L permitia uma autonomia que girava em torno de 400 quilômetros.

Os freios Brembo a disco de 260mm de diâmetro na frente e 200mm atrás paravam a moto em espaços seguros. O garfo dianteiro oferecia curso de 200mm ante os 170mm na traseira pelo inovador sistema Monolever. A R80 G/S ficou em linha até 1987 e foi sucedida pela R 1000 GS.

Em 1994, a marca lançou o motor de quatro válvulas e 1.100 cilindradas, na R 1100 GS, sucedida no ano de 1999 pela R 1150 GS. A R 1150 GS, inclusive, foi a primeira GS a oferecer uma versão Adventure, em 2002.

Leia também:
+ MotoGP define calendário 2020
+ Lançamento Honda CB 650R e CBR 650R 2020
+ Kawasaki lança a Z900 versão 2021
+ Arte Sobre Tanques. Ação social Harley-Davidson
+ Salão de Milão é adiado para 2021
+ Recall Kawasaki para Ninja ZX-10R e Ninja ZX-10R SE modelos 2020

Em 2000, a montadora lançou o modelo F 650 GS Dakar com preparação mais adequada ao fora de estrada. Este modelo foi fabricado até 2008. Em 2009, deu início à produção de motocicletas no Brasil, em Manaus, com a fabricação da monocilíndrica G 650 GS.

A versão Sertão teve lançamento mundial no Brasil em 2011, com pegada também off road a começar pelo aro de 21 polegadas na dianteira. As bicilíndricas paralelas refrigeradas a água F 800 GS e F 850 GS sucederam a família G 650 e são, até hoje, líderes de venda em seus segmentos.

Em 2019, celebrou a marca de 60.000 unidades fabricadas em sua fábrica no Brasil com a produção de uma F 850 GS. No mesmo ano, a marca apresentou a R 1250 GS, com motor de comando de válvulas variável.

-Informações e imagens: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *