Monster 2021

São Paulo (SP) – A Ducati começa a vender, no mercado europeu, em abril, a naked Monster 2021, com motor 937 cc 11° L-Testastretta de dois cilindros que entrega potência de 111 cv a 9.250 rpm e torque de 93 Nm a 6.500 rpm. Com produção já iniciada, tem quadro dianteiro com o mesmo conceito da Panigale V4 que pesa 4,5 kg menos que o utilizado até então na Monster 821, que o novo modelo 937 substitui. Já o subchassi traseiro ficou 1,9 kg mais leve.

Na tecnologia, ABS Cornering, Controle de Tração e Controle de Wheelie, Controle de Lançamento, três Modos de Pilotagem (Sport, Urban, Touring), Smart Power Mode que regula a curva de torque em três níveis (Urban, Touring e Sport). O ajuste desses dispositivos pode ser gerenciado a partir de controles nos punhos e visualizado no visor TFT colorido de 4,3″. Tem opcional o Sistema Multimídia Ducati (DMS) para conectar smartphone via bluetooth.

Leia também
+ Teste scooter Honda ADV 150. Preparado para uso nas cidades
+ Honda, Yamaha, KTM e Piaggio criam consórcio para baterias universais de motos elétricas
+ Harley-Davidson lança a aventureira Pan America 1250
+ Royal Enfield Himalayan 2021 tem GPS e ABS desligável na traseira
+ Produção de motos em janeiro de 2021 tem queda de 46,5% ante janeiro de 2020
+ Suzuki apresenta a Hayabusa 2021 de terceira geração

A moto tem peso em ordem de marcha inferior a 190 kg, cerca de vinte a menos que a 821, que substituiu. A altura do banco em relação ao solo é de 820 mm, mas pode ser reduzida para 775 mm. Está disponível em duas versões: standard e Plus. Ambas disponíveis em três cores: a clássica Ducati Red com rodas pretas, a Aviator Grey com rodas vermelhas e Dark Stealth com rodas pretas. Acompanharam o anúncio do início da produção da moto os pilotos da Ducati MotoGP Pecco Bagnaia (Ducati Lenovo Team), Enea Bastianini e Luca Marini (Team Esponsorama Racing).

-Informações e imagens: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *