Nova Ducati Diavel 1260 S

São Paulo (SP) – A Ducati traz para o Brasil a segunda geração da Diavel 1260, na versão S, agora mais refinada, com entre-eixos maior que ajusta a moto nas curvas, potência mais linear e mais torque e eletrônica embarcada. Já disponível na cor Thrilling Black & Dark Stealth com dois tons contrastantes de negro e quadro vermelho, tem preço público sugerido de R$ 94.900. Em pré-venda, as primeiras 18 unidades ano/modelo 2019 oferece R$ 5 mil de bônus para aquisição de itens da linha boutique ou acessórios da marca.

Na apresentação do modelo, em uma espaço para eventos na Zona Oeste de São Paulo, foi realizado um pequeno teste de cerca de 60 quilômetros na Rodovia dos Bandeirantes entre São Paulo e Itupeva, interior paulista. Com 159cv a 9.500 rpm, torque de 13,1 kgm a 7.500 rpm, 1.580 mm de entre-eixos, pneu traseiro com 240 mm de largura, pneus Pirelli Diablo Rosso III e 240 kg de peso em ordem de marcha a moto apresenta retomadas vigorosas na estrada mesmo em sexta marcha ainda em baixas rotações.

No conforto, as pedaleiras estão mais centralizadas deixando o corpo mais ereto e o banco largo com boa ergonomia está a 780 mm do piso, o que permite apoiar os pés com firmeza e segurança no chão. Os punhos do guidão estão mais próximos do piloto, permitindo que os braços fiquem semi flexionados. No curto contato com a moto na rodovia mostrou que é possível cobrir grandes distâncias com o modelo que tem tanque para até 17 litros de gasolina. Não foi possível, na apresentação, fazer as medições para determinar o consumo da moto.

Na eletrônica, a Unidade de Medição Inercial Bosch de 6 eixos (6D IMU) detecta instantaneamente a velocidade e aceleração e é o fator para a operação de muitos dos dispositivos de controle que equipam a moto. O pacote eletrônico integra o Bosch Cornering ABS Evo, Ducati Traction Control Evo (DTC), Ducati Wheelie Control Evo (DWC), Ducati Power Launch Evo (DPL) e Cruise Control. A moto tem ainda três modos de potência: Sport, Touring and Urban.

Leia também:
+ Honda ADV 150 e Forza 300. Promessas para o Brasil, em 2020
+ Kawasaki apresenta Z900 e KX250 atualizadas no SDR
+ Royal Enfield divulga preço da Intercept e Continental GT 650cc
+ Produção de motos deve ser maior em 2019
+ Honda lança a Neo Sports Café CB 650R no Salão Duas Rodas
+ Kawasaki Ninja H2 SX SE+ chega por R$ 139.990
+ Aston Martin AMB 001. Edição limitada por 108 mil €
+ Protótipo BMW R18/2 apresentado no Salão de Milão
+ BMW G 310 R tem nova cor vermelha

O modelo tem suspensões Öhlins, pinças radiais Brembo M50, rodas de alumínio forjado, quick-shift up&down, DRL (luz de visão diurna), sistema multimídia e estofamento exclusivo no banco. A versão tem parte da ciclística reformulada, com um chassi tubular mais curto e uma balança traseira monobraço mais longa. Além disso, a suspensão traseira também recebeu inovação, o monoamortecedor e os links foram colocados sobre o monobraço, e o motor liga chassi, balança e subchassi.

A nova Diavel 1260 é compatível com a Ducati Link App: esta aplicação permite ao utilizador ativar o ‘journey mode’ (combinação do Load e Riding Mode) e personalizar os parâmetros de cada Riding Mode (ABS, Ducati Traction Control etc) por meio do smartphone.

-Informações e imagens: divulgação-

2 comentários em “Nova Ducati Diavel 1260 S

  1. Tive uma Diavel e gostava muito da moto. Tinha algumas coisas a acertar. Crio que a Ducati esteja no caminho certo. Abraços aos irmãos estradeiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *