Rally Transbahia

Os campeões do Rally Transbahia 2015 cruzaram a rampa de chegada neste domingo em Camaçari, na região metropolitana da capital Salvador (BA). Público, pilotos e organizadores celebraram ao lado de competidores vindos de todas as regiões do país. Foram três dias de disputas e muita emoção em mais de 600 quilômetros, que tiveram início em Camaçari e passagem pelas cidades de Alagoinhas e Conde.

A prova ainda somou pontos para o Campeonato Brasileiro de Enduro de Regularidade para motos e quadris e para a disputa nacional de Rally de Regularidade para carros. O catarinense Guilherme Cascaes faturou o tricampeonato das motocicletas e a dupla Ricardo Barra / Vanderlei Hirt foi a grande vencedora dos carros, todos da categoria Master. Entre os quadriciclos, Pedro Costa conquistou o segundo título consecutivo da categoria Graduados, sendo que o baiano ainda possui em seu currículo uma taça da Novatos.

“Recebemos elogios dos pilotos e navegadores e cumprimos o nosso dever”, comentou José Carlos Ribeiro da Conceição, o Zé do Rádio, diretor da Adrenalina Eventos, responsável pelo Rally Transbahia. “Tivemos grande apoio de todos, especialmente da Prefeitura de Camaçari, e a cidade deve estar novamente no roteiro do ano que vem. O percurso foi o mais técnico entre todas as edições. Outro ponto positivo foi a segurança, rodamos na maior parte do tempo em plantações de eucaliptos e campos de extração de petróleo. Ou seja, andamos muito pouco por povoados e pelo asfalto, sem encontrar os moradores locais”, explicou.

Destaque das motos, Cascaes resumiu como foi a prova. “A disputa teve médias justas e bastante trilha. Foi um consenso, todos gostaram bastante. Estou muito feliz pelo desempenho e a chuva de hoje foi um tempero a mais”, comentou. Além do terceiro título no Transbahia, Pedro Costa confirmou o bicampeonato brasileiro da modalidade. “A temporada começou de forma perfeita para mim, estou muito contente a animado para conquistar mais títulos”, explicou. Nos carros, o piloto fluminense Ricardo Barra analisou o Transbahia. “A prova foi muito interessante e os locais, bem escolhidos. Fiquei bastante satisfeito com a vitória e pretendo voltar no ano que vem”, concluiu.

Resultados

Motos

Master

1º – Guilherme Cascaes – 137 pontos
2º – Daniel Crema – 129
3º – Emerson Loth “Bombadinho” – 114

Sênior

1º – Claudio Hiert – 138
2º – Marcelo Fabro – 135
3º – Fabio Manoel de Souza – 112

Over 40

1º – Sandro Hoffmann – 147
2º – Clecio Hiert – 124
3º – Gilso Moraes – 118

Over 50

1º – Pericles Dutra – 150
2º – Eduardo Miota Corona – 128
3º – Robert Roger Schmitt – 118

Júnior

1º – Almir Magalhaes Netto – 115
2º – Tiago Bamberg Tude – 77
3º – Bruno Pereira Mourao – 72

Over 55

1º – Altair Bordignon – 142
2º – Villegaignon Lage de Oliveira – 86
3º – Amilar José Rodrigues – 70

Novato

1º – Giovanni C Galzerano – 125
2º – José Henrique M. dos Santos – 111
3º – Helânio Gonçalves de Almeida – 97

Duplas

1º – Claudio Alcântara Conceição / Felipe Alcântara – 122
2º – Luiz Couto Filho / Charles Patrocínio – 91

Moto Rally

1º – Flávio Câmara – 225
2º – Adriano Furtado – 194
3º – José Renato Cagnon – 184

Quadriciclos

Graduados

1º – Pedro Henrique Costa – 216
2º – Wescley Dutra Fortaleza – 201
3º – Paulo Roberto Kitagawa – 170

Novato

1º – Paulo Henrique C.de Souza – 225

Carros

Master

1º – Ricardo Barra / Vanderlei Hirt – 158
2º – Braulio Ferreira da Silva / Matheus Mazzei – 147
3º – Magno Aragão / Paulo Renato Carvalho – 138

Graduado

1º – Jean Paulo Kamil / Leonardo Martins – 164
2º – Roberto Bontempo / Cristiano Serpa – 150
3º – Luis Miguel Sono / Rosi Vasconcelos – 140

Turismo

1º – Carlos Eduardo M. de Andrade / Francisco Jardel Almeida – 175
2º – Cláudio Caldas de A. Lemos / Any Karoline Lemos – 160
3º – Cleber Silva de Cerqueira / Carlos Edno Santana – 122

-Imagens e informações: divulgação-

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *